quarta-feira, 22 de maio de 2013

TELEFONE DE CONTATO

 11 9 8346-2111

SERVIÇOS PRESTADOS


Colocamos nossos serviços de INVESTIGAÇÃO PESSOAL E EMPRESARIAL a sua disposição.
Oferecemos informações cruciais durante e após o processo de investigação, gravado, fotografado e relatado por escrito.

Especializada nas seguintes áreas:

FAMILIAR
Comprovação de traição conjugal e extra conjugal.
Identificação do uso de drogas.
Localização de pessoas desaparecidas e objetos roubados.
Verificação comportamental de crianças e adolescentes.
Instalação de programas de Monitoramento em Computadores.
Pericia em Computadores.

Combate a Fraudes e Práticas ilícitas;
Combate a Crimes eletrônicos;
Infiltração de agentes treinados, que evitam vários transtornos.
Rastreamento e Combate de Desvio de dinheiro e Cargas roubadas;
Instalação de programas de Monitoramento em Computadores para controle de Funcionários;
Evolução de bens de funcionários.

De olho na constante preocupação das empresas com fraudes e roubos, oferecemos serviços de detecção e prevenção.

Saiba onde estão os pontos vulneráveis de sua empresa e veja com que privacidade suas negociações são feitas. Uma Consultoria  pode mostrar todas as falhas através de projetos elaborados individualmente para cada empresa. Proteja-se!


DICAS DE CONTRATAÇÃO


Dicas que devem ser levadas em consideração antes de contratar um profissional da área Investigativa Particular.

1º. Conhecer o profissional pessoalmente, no qual vai colocar ou expor um pouco da intimidade de sua vida ou de sua empresa.

2º.- Procure ser o mais claro possível em passar o seu caso para o profissional, assim ele poderá ajudá-lo( a) de forma mais rápida e eficiente.

LEGISLAÇÃO

Lei 3099 de 24 de Fevereiro de 1957

O Presidente da República, faço saber que o CONGRESSO NACIONAL decreta e eu sanciono a seguinte lei:

Art. 1o. Os estabelecimentos de informações reservadas ou confidenciais,comerciais ou particulares,só poderão funcionar depois de registrados em seus Estados ou Territórios,com observância de todas as formalidades legais.

Art. 2o. As informações serão sempre prestadas por escrito em papel que contenha impressos o nome do estabelecimento,o da sociedade e,por extenso,o do gerente ou diretor,pelo menos.

Art. 3o. A observância das disposições contidas nesta lei não exime os interessados do cumprimento de quaisquer outras exigências legais.

Art 4o. Os estabelecimentos, já em funcionamento, terão o prazo improrogável de 90 (noventa)dias para regularizar sua situação.

Art 5o. Os estabelecimentos autorizados a funcionar fornecerão à Polícia (à Superintendência da Ordem Política e Social e à Chefia do Departamento de Investigações, onde existirem),todas as informações que lhes forem solicitadas.

Art. 6o. Revogam-se as disposições em contrário.
Rio de Janeiro em 24 de Fevereiro de 1957;136o. da Independência e 69o. da República.
Juscelino Kubitschek
Nereu Ramos
Persifal Barroso


TRABALHO E PREVIDÊNCIA
10/06/2014 - 18h03
Câmara aprova regulamentação da atividade de detetive particular.
Pela proposta, compete ao profissional planejar e executar coleta de dados e informações de natureza não criminal, para o esclarecimento de assuntos de interesse privado do contratante.

Lei 1211/11
A Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público aprovou um substitutivo ao Projeto de Lei 1211/11, do deputado Ronaldo Nogueira (PTB-RS).
A proposta regulamenta a profissão de detetive particular, definido como o profissional que planeje e execute coleta de dados e informações de natureza não criminal.
Atuação

O texto também define áreas de investigação para o profissional. Suspeitas de infração administrativa ou descumprimento contratual; condutas lesivas à saúde; idoneidade de prepostos e empregados; questões familiares, conjugais e de identificação de paternidade; localização de pessoa ou de animal desaparecidos.

A qualquer momento, se perceber que um crime está sendo cometido, o detetive deve comunicar à polícia.

Embora seja vedada a investigação particular em casos criminais, o texto faculta ao detetive participar de investigações policiais em outros casos, sempre que permitido pelo delegado que dirige o inquérito.

Só poderá ter registro profissional a pessoa que estiver de posse dos direitos civis e políticos e não possuir condenação penal.


quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

" A vida só pode ser chamada de vida se for vivida!"

Esther S. Jardim = Esther Jardim